Os Exterminadores do Tio Sam


O que é que a Colômbia e o Brasil têm em comum?

Eis o que está ocorrendo na Colômbia, e não passa nas teletelas brasileiras.

Eis o que ocorre no Brasil. Não sei se isso aparece nas teletelas colombianas ou não.

bushaecioA atual embaixadora americana no Brasil foi expulsa de Bolívia, saiu do Paraguai numa enxurrada de protestos “populares” para depor o presidente eleito. Seu trabalho no Caribe coincidiu com um aumento de 800% na taxa de mortalidade em tiroteios. Assim que a Dilma derrotou o crente das pistas de pouso (e amiguinho do George Bush) por 8% na votação do primeiro turno, a diplomata americana foi transferida para o Brasil.

O atual embaixador americano na Colômbia foi expulso de Cuba, transferido para Venezuela, depois trabalhou numa burocracia internacional que empurra o programa dos partidos Democrata e Republicano nos EUA. Sem perceber a ironia, o governo americano o destacou como embaixador na Colômbia em primeiro de abril de 2014, antes mesmo do primeiro turno nas eleições.

Algo mais? Ah, sim… As agências de espionagem americanas grampeiam as ligações telefônicas dos políticos e das empreiteiras de economia mista nos dois países e no resto do mundo. Basta um vazamento seletivo dessas gravações e dados aqui e acolá para os bananais de partidos oposicionistas nada libertários, e pum! Multidões populares nas ruas para cassar… a quem não agradou os dois partidos corruptos e xenofóbicos que por voto secreto controlam o governo americano. Todos estes paralelos, é claro, podem ser pura coincidência.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s